The African Queen

Estava eu sentada em uma mesa, tomando café colombiano e ouvindo esse relato. Imagino que a relatora em questão não vá se importar que eu reproduza aqui essa história, pois já vai aos quatro ventos…

Outro dia já me tinha antecipado o encontro do amor em um “esbarrão no metrô”, um rapaz mais novo, que já a chamava de “African Queen”. Vindo do estrangeiro, tinham se conhecido há algumas semanas antes apenas, mas já estavam namorando – e deliciava-se ao contar que no país dele não tinha esse negócio de ficar não, que se namorava e era pra casar. E que, ao ouvir isso, não pensou em pular fora, ao contrário, seu coração palpitava em alegria.

E encontrei naqueles olhinhos brilhando o meu próprio reflexo, quantas vezes eu já tinha visto aquilo? Quantas cartas de amor eu já havia escrito? (Como bem lembra Xico Sá – sim, cartas de amor, elas já existiram um dia!). Aquele início de paixão, quando você entra em um mundo novo e deixa alguém entrar no seu mundo. Esse entorpecente que faz a pessoa esbanjar sorrisos em qualquer hora e lugar. Aquela falta de ar, o ímpeto no estômago, a vontade de espalhar flores coloridas psicodélicas por aí, a felicidade transbordante.

Ela, brasileiríssima, no ritmo de samba, arranhando o inglês com o rapaz em tom de African drums, que só sabia um ou outro léxico do português. Os dois formando um arranjo bem arranjado pelo destino, já em conversas de casamento (!). Hão de chamar de loucura (casamento?!), mas qual a linguagem do amor?

A barreira das palavras é, como qualquer outra, transponível com facilidade por este que é o maior de todos os heróis, de literatura ou de poesia – contada ou não. 

O amor. Substantivo indefinido, próprio, que a gente simplesmente sabe quando permeia o ar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s