Japão 2011 – Purificação

Então vamos lá para essa jornada nipônica de “Comer, Rezar, Amar”.

Este início é a parte em que acompanho a Neusa como intérprete, para a Cerimônia de Purificação. Dizem que o fogo queima nossas ilusões, os obstáculos para uma vida mais iluminada.
Eu tento esquecer de tudo nesta época, não pensar nos problemas que ficaram no Brasil e só saborear cada instante. “Comer”.

111001-shrimp

 

24/09 (sáb) – apesar do dia de folga anterior, muitas coisas pra arrumar (vários itens pra levar também) e eu já estava exausta antes de entrar no avião! Desfiz minha mala em duas, porque fiquei com medo de uma rachar; cochilei diversas vezes no voo (algo muito difícil de acontecer); mas a Neusa se divertiu com tudo e tirou muitas fotos (primeira vez dela num avião). A espera em Londres nem foi tão ruim, exceto pelo fato de só liberarem o número do portão no painel uns 30 minutos antes do embarque…

110926-narita

26/09 – Chegamos em Narita já de tardezinha, pegamos o ônibus para Tachikawa, vimos a Torre de Tóquio iluminada, chegamos no dormitório já era umas 19h – cansativo. Foi a primeira vez em que fiquei no dormitório da “S.en”, temos que limpar as malas e não tem elevador, fiquei num quarto estilo japonês (sem cama, com futon no chão) e o banheiro é coletivo, mas já tem até material pra fazer ablução (banhos de água fria para purificar o corpo) e uma salinha pra lavar roupas. Saímos pra comprar comida numa loja de conveniências próxima e voltamos a tempo de fazer oração (é um dormitório pra fieis, tem oração às 07h e 21h).

27/09 – dia livre, de manhã encontramos algumas pessoas que também participariam da cerimônia em Yamanashi. Encontramos com Okada-san, um japonês engraçado, que treinou um pouco com a gente uns movimentos (porque o DVD explicativo não deu pra ver) e depois nos levou pra almoçar no Royal Host. Visitamos o centro de treinamento (Ogen’in), pegamos o monotrilho de volta, fomos em uma lojinha de 100 yen (famosas 1,99 do Japão, só que com coisas de qualidade e enorme variedade).

110927-lunch

28/09 – No Parque Suwa, lá perto, dá pra fazer “gohoshi” (serviço voluntário de limpeza – do local e do coração) às 05h da manhã. Como tinha chovido, fui até a estação e conheci a sra. Kaji, cujas filhas eu já conhecia de outros eventos! Depois do café, é hora de sair em comitiva para o Parking Lot 2, pois o nosso ônibus para Yamanashi sairia às 08:30. Finalmente conhecemos todos os representantes estrangeiros que participariam do Saito Homa (alguns moram no Japão).

110927-robotbakery

(Padaria temática na parada do ônibus. O “dono” é esse robozinho e cestinhas levadas por correias mecânicas levam os pães fresquinhos…)

Depois de chegar em Yamanashi, visitamos o templo cumprimentando os budas e teve reunião de apresentação do pessoal. O almoço e o jantar seriam providenciados todos os dias por um restaurante ali perto (os participantes tem que estar purificados, fazendo abstinência – deixando de comer alguns alimentos, como carne ou alho, por exemplo). Nesta tarde já teve ensaio do papel que cada um ia representar, inclusive ao som dos tambores japoneses (taiko)!

 

110928-fuji2

29/09 – Temos que acordar cedo todos os dias e estarmos prontos pra pegar o ônibus às 08h. Mas a vista para o Monte Fuji do hotel, além do saboroso café da manhã, dá a energia renovada suficiente. Já neste dia teve prova de roupa e sapatos, além de treino na plataforma (um tipo de palco do ritual) real.

30/09 – Os dias de prática intensa começam a atingir o pessoal, que começa a ficar com uma carinha de sono… No dia seguinte será feito o ritual com representantes do Japão, que são também aqueles que ensinam os estrangeiros em cada função (tem ritual de proteção da terra, do machado, da espada, do arco e flecha, da água, para acender o fogo, além dos que levam os procedimentos, o líder de oração…). Hoje é o ensaio final do “elenco” japonês, além de mais treino.

 

110930-breakfast

 

01/10 – O tempo em Yamanashi é friozinho de manhã e à noite, nesta época. Mas hoje foi nublado e de tarde fez frio de verdade. Encontramos alguns brasileiros, na fila de barraquinhas pra comprar lembrancinhas. Hoje só assistimos à cerimônia da sacada e teve o último ensaio. À noite, não deu pra desperdiçar a casa de banhos de água quente, relaxar é preciso.

11-fujiyamaonsen1

 

02/10 (dom) – O grande dia para Neusa e os outros representantes estrangeiros (gente da Itália, Reino Unido, Polônia, EUA, Alemanha, Taiwan, Cingapura, Holanda…)! E eu, que também acompanhei todo o processo, acho que fiquei até mais ansiosa do que eles… Só mesmo vivenciando os bastidores pra saber quanto trabalho dá! O tempo abriu e fez um sol e céu azul lindos, deu tudo certinho (com o habitual corre-corre, é claro). Depois do almoço, já batendo as saudades, ainda deu pra fazer uma “ola” pra se despedir do carro da líder espiritual, Shinso Ito. Na volta, ficamos sabendo de um acidente, e tivemos que esperar umas 3h na parada do ônibus. Ainda bem que estávamos lá, com comida e banheiro livres. Engraçada a maquininha de fazer café com animação ao vivo do café sendo feito!

 

111002-sandwich

 

03/10 – Dia para descanso, a Neusa ficou praticamente o dia todo no dormitório! Eu lavei algumas roupas, ainda dei uma saída de manhã, almocei no Kentucky Fried Chicken (ofertas de horário de almoço imperdíveis, hehe), visitei o Parque Showa, vendo crianças e casais e pensando na vida. À tarde também dei uma cochilada, à noite fomos visitar o sr. Mário, um brasileiro que mora ali perto da sede há tempos. Jantamos por lá.

04/10 – Cerimônia de consolação espiritual pela manhã, no Ogen’in. Tem um ônibus especial, só para ir e voltar do templo. Ficamos na sala em que a líder espiritual conduziu a cerimônia, muito bom. O almoço é mais baratinho do que em outros lugares (eu fiquei com saladinha, bolinho frito de batata e milho e inarizushi). Chá (verde, oolong) e água de grátis, à vontade. À tarde ainda visitamos a casa dos fundadores do ensinamento, que também já servira de templo no início da ordem (Shinchoji rededicado).

 

111001-cake

* Tudo bem, a esta altura do campeonato, vocês devem estar pensando: pô, ritual de purificação, tal. Você não se sentiu mais “curada” depois desses primeiros dias? Sim, foram dias de ablução e abstinência direto. Acho que o corpo ficou purificado. Já o coração… *

111001-picsdinner

(To be continued…)

Anúncios

3 respostas para “Japão 2011 – Purificação”

  1. Denichan, você é incrível e sempre surpreendendo. Textos lindos e fotos belíssimas. Parabéns sempre e sempre.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s