D Post its – setembro/outubro 2012

Na capa da Veja esta semana: “com a condenação dos mensaleiros, os brasileiros sentem a alma lavada (…)”. Er, ãhm ……………………………………. NÃO.

* * *

A Mercearia São Pedro (Vila Madalena, São Paulo) está aprovada não pelos seus pastéis, mas pelos quadrinhos nas mesas e porque sentar bem debaixo do poster de O Fabuloso Destino de Amélie Poulain com seus amigos do francês… simplesmente não tem preço.

 

* * *

A segunda temporada de Community continuou muuuito boa, por que adiei tanto vê-la? A professorinha de arma mortal; Mr. Chang se matando pra entrar no grupo e a marionete na competição de dança;  a mãe de lava do Pierce; o simulador de nave espacial (algo me diz que os autores gostam de frango frito); Abed e sua obra prima sobre Jesus; a festa de Halloween com zumbis (!); o trampolim (uma ervinha não faz mal a ninguém); a caneta da Annie, eita; a conspiração e o niver do Troy; a versão animada do Natal, surrealíssima, show. As brincadeiras de Abed e Troy continuam divertidas – aquele desenho no muro… e isso porque nem terminei a temporada.

 

* * *

 

Fico lendo os twites do John Cusack sobre política e me perco – ele defende alguém ou só a si mesmo? (será que ele quer ser presidente?)

 

* * *

 

– vc sabe como funciona, James. Meu centro de reabilitação é este ultradimensional rancho Skywalker.

– e ajudou? Engordar mais um pouco com um balde de frango frito e uma garrafa de coca com seu nome?

– você é um estraga-prazeres. definitivamente.

– você é virginiana. acho que deveria fazer uma bela faxina, arrumar a casa toda. Sei que está com preguiça, mas depois disso vai se sentir bem melhor.

 

* * *

 

Ler Scott Pilgrim só me fez querer comprar em Blueray e assistir ao filme toda semana. Aquilo foi feito pra ganhar movimentos em uma tela.

 

* * *

 

Alô, Cinemark. Se vocês não passarem crédito para Atividade Paranormal 4 beleza, mas Cine Cult é outra coisa, hein. (Pátio Higienópolis, 16/10/2012, mancada).

 

* * *

– aí então eu entendi porque estava com aquela sensação interna e inefável da atmosfera de Buenos Aires.

– nem tinha a ver com o rapaz argentino que você encontrou.

– nem! ah, olha! Hagen Daz é feito na França! Yéeehh! Viu? Não é à toa!

– ah, falando nisso, você contou pra ele do francês?

– sim, eu disse que era só um caso… tipo, a gente não vai casar nem ter filhos, tá. só vamos passar algum tempo juntos. tô precisando disso agora.

– e… tudo bem?

– uai… e ele não têm as garotas dele?

– alguns meses e vc segue sua vidinha. porque, ao final, ele é o amor infinito desta sua vidinha, né.

– é. ele vai casar, vai se separar dela depois de uns 2 anos, e vai ver que não era nada daquilo que ele queria de verdade. não importa as aparências, o dinheiro, a popularidade… que existe um sentimento maior. vai ver que precisa de companhia. de alguém ao seu lado não só pras horas boas. e que o entenda, aceite, ame-o como é. alguém pra compartilhar ideais, caminhar e lutar junto em projetos, contribuindo para um mundo melhor.

– e mesmo que vcs não fiquem juntos nesta vida, pelo menos vc vai ter se realizado.

– é… ãh… hmmm. Na vida imaginária, né? Vc sabe que na vida real eu estou cansada demais, logo vou chegar num ponto em que só trabalho e escrevo. Só.

 

* * *

 

36a Mostra Internacional de Cinema em São Paulo começa amanhã (19/10). O blog do Chico trouxe um post completinho, minha mochila nem tá pronto, mas preparo meus nervos e meu psicológico (todos os anos é uma frustração…). E este ano o mochilão dura um pouco mais – tô precisando.

 

* * *

 

Porque quando não me resta muito mais na realidade, o cinema é meu refúgio, minha caverna mágica de sonhos e ilusões.

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s