Não queria existir

Algo me acometeu nesse dia 25 (sim, eu tinha comentários sobre Looper, um texto sobre o fim do mundo, sobre Moonrise Kingdom, Assim caminha a humanidade, vários outros se acumulando, but what the hell).

Foi à noite que eu tive vontade de desaparecer, evaporar, de repente, assim, pluft. Sabe quando você se pergunta por que você tem que existir? (De novo, porque eu já passei por momentos assim várias outras vezes, pode ser que seja só TPM mesmo). Vontade de dormir e não acordar, apagar sua existência da face da Terra. Não estou falando que vou me matar, mas simplesmente a vontade de nunca ter existido, entende? Pois é, e você achou que isso só acontecia com você, hein.

 

Muitas coisas difíceis acontecendo na minha vida (financeiro, serviço, família, espiritual…). Muitas lembranças de uns passados (2012, tinha tantas expectativas, e aí está). Perdas. E eu não sou de ferro, sou humana, erro. Vontade de fazer nada, vontade de desistir de tudo (ah, se eu pudesse).

 

Mas é claro que isso tudo vai passar, como foi outras vezes.

 

* * *

(e justo assim? eu, que tanto valorizo as amizades. é assim que acaba?)

 

* * *

Tô triste. E cansada. Eu também tenho direito a ter um dia triste.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s