Arrumação V – a cozinha (ou: pois é, então o mundo não acabou)

É, pois é, pois é, pois é. Então, o mundo não acabou. (Que droga). Eu queria mesmo que acabasse! Fazer o quê. Termino aqui a série “arrumando a casa até o fim do mundo”, pois, afinal, o fim do mundo já passou, né.
 
Ou seja, ficou pro final guardar todos os alimentos nos armários, limpar a geladeira (pra repô-la), tirar o lixo. Vamos continuar nossa vidinha, aquela velha resolução de ano novo de fazer dieta, ter uma alimentação saudável, beber muito líquido. Compensar tudo com o que andei poluindo meu corpo nas últimas semanas (doritos, frango frito, pizza, hambúrgueres, refri, sorvete, chocolates… praticamente um filme daqueles de comédias besteirol estadunidenses). Mas eu tenho uma boa desculpa: noites de insônia que me possibilitaram retomar algumas séries que eu tinha largado.
 
Chuck – Season 03

2010chuck03-runaways

Chuck é uma série tãooo bobinha, mas tãooo legal…. Não vai ter nada super fantástico acontecendo, nada hiper complexo e intrigante, mas a gente fica com aquela vontade de continuar assistindo o que é que Chuck e seus amigos vão aprontar, qual referência nerd vão usar, como Chuck e Sarah vão acabar juntos. É uma pequena bobagem, mas talvez, exatamente por ser despretensiosa, aqueça nosso coraçãozinho.

Os destaques dessa temporada ficam por conta da falha de Chuck como espião, o tal ditador salvo pelo Sr. Incrível, Chuck ter o sonho de ir para Paris (awnnn!) e quase namorar a Lanna de Smallville, poder ver Chuck e Sarah juntos como fugitivos em lua de mel, Chuck e Sarah aprendendo com um casal de espiões, Christopher Loyd como psiquiatra, o flashback do Chuck criança fazendo download.

2010chuck-03lana

O chato foi ele voltar pra Buy More (esperávamos uma mudança completa de cenário, poxa), o novo chefão Super Homem pra ficar com a Sarah, todo mundo ficar sabendo do lance de espião e a Ellie por último – putz, a Ellie é sua irmã e super gente boa, cara.

Sei que só tem mais duas temporadas, e quero muito ver com um balde de cheetos.

 
How I met your mother – Season 01
2005-HIMYM

Finalmente consegui conhecer este grupo de amigos que conquistaram a audiência (dos órfãos de Friends?) do mundo todo e continua firme no ar ainda. Ted, em 2030, conta aos filhos como conheceu a mãe deles (e pelo que já ouvi falar, isso nunca acontece realmente). Cada episódio traz algum evento cotidiano e todos são bem engraçados – tem aquele do Halloween (e as fantasias!), das reportagens da Robin, do programa para achar o par perfeito, da luta de espadas do Marshall e do Ted, do dia de ação de graças solidário do Barney, do Ted bêbado, do Barney hippie!, da família do Marshall (ei, eu sou pequena igual a Lily, entendo perfeitamente!), do abacaxi, das festas de ano novo, do Marshall e seus jogos…

 
Breaking Bad – Season 01
2008-breaking-bad

E finalmente também venho a conhecer a saga do professor de química que acaba num trailer criando cristais… Tá chegando a última temporada já, quem sabe eu não veja tudo de uma vez, essa aclamada e elogiada série?

Sem o melodrama típico dos dramas de doenças terminais, fora do convencional e sem receio de usar cenas cruas, acompanhamos o martírio desse homem que preza a família e tenta respeitar seus próprios valores, sendo confrontado por delicados dilemas seguidos. Walter filmando de cueca no deserto, Walter dando sanduíche e cerveja pro refém, Walter tendo que ajudar a limpar a sujeira da banheira, Walter tendo que aguentar a hostilidade do filho adolescente e a pressão da esposa para fazer o tratamento, tendo que aguentar o cunhado dizer que cuidará da família dele, tendo que aguentar ser motivo de pena do antigo parceiro de pesquisas ricaço, e os efeitos colaterais do tratamento… Walter careca explodindo uma sala e carregando um saco de dinheiro, Walter no ferro-velho de chapéu. Algo me diz que eu vou ter que assistir às cinco temporadas – Walter já entrou na veia e é puro como o melhor cristal.

 
The office – Season 05
2008-theoffice05

Lembro da primeira temporada de The Office, que acho que aluguei por indicação de algum blog sobre séries. Eu vi tudo em uma noite, porque não conseguia parar – os episódios eram tão curtinhos e tão divertidos… As outras temporadas eu via de ano em ano e acho que enjoei (tipo quando a gente come doce demais, sabe?), então parei na quarta. Não que eu não tenha tido momentos muito hilários, de doer a barriga mesmo, vendo The Office. Simplesmente a vida aconteceu, e eu parei.

Tá, a quinta temporada não me parece tão divertida quanto antes, mas é muito bom voltar ao escritório. O Michael sem noção, o Dwight sempre ao extremo, o Jim e a Pam se divertindo (embora nesta quinta eles tenham que enfrentar alguns probleminhas de distância, continuamos torcendo por eles), os coadjuvantes que também são bizarros e inacreditavelmente compreensíveis – o Oscar sendo abraçado pelo Michael, a Phyllis adorando mandar na Angela, a Holly pensando que o Kevin era retardado, o aniversário da Kelly e ela dando o fora no Darryl, o Andy bobão e cantante, a viagem pro Canadá, a Angela e seus gatos, o Toby pacato mesmo quando uma “erva” aparece na sua mesa, o Stanley estressado, a simulação de incêndio, Michael e sua própria empresa, o café disco, o jogo de vôlei – e conseguiram mesmo arranjar alguém pra gente torcer pra ficar com o Michael, né.

Sei que o Steve Carell só continua até a 7ª temporada, acho que vou sentir um dorzinha no coração quando chegar lá… e com certeza não pretendo ver as outras.

 
 

E ainda teve alguns episódios de Fringe (Season 01) nessas duas “semanas junk”, que é até uma série bacaninha no começo, mistérios à la Arquivo X e som de fundo igualzinho a LOST. Mas já andei lendo alguns comentários de que ela começa a desandar e não fazer mais sentido lá pela quarta temporada, o que me deixa bastante desanimada – ou seja, acho que não vai ter jeito mesmo. Vou passar pra Homeland ou qualquer outra coisa assim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s