Yo soy Betty, la fea – Ep. 74 – 76

Então, na semana passada o “gigante acordou”, o país ficou em polvorosa e algumas pessoas reclamaram que a Rede TV não passou os capítulos… Bem, eu adoro a Betty, fico ansiosa até (no episódio da última sexta eu até chorei!!!), mas acho que o canal tem direito de interromper sua programação normal em nome de algo imprevisto e importante.

Aliás, mesmo sendo apenas 3 episódios, aconteceram coisas bem importantes na novela, e o episódio de sexta valeu por outros 3. Ah, como eu lembrei também da minha insegurança, de como já sofri por amor, de como não queria mais viver, e – ainda bem, acabei descobrindo que isso tudo só me tornou mais forte. E quantas almas jovens já não passaram por isso?

 

Ep. 74: (130617)

Aura Maria e Freddy chegam no bar em que supostamente alguém a espera, mas ela acaba admitindo que não há ninguém, que fez isso só pra ficar com Freddy. Ele também admite que não há garotas, só o Wilson e que ficar com Aura é seu sonho. Já depois da segunda noite de amor, Armando pergunta a Betty o que aconteceu em seu passado, quando foi sua primeira vez. Betty conta a história de Miguel, um rapaz que morava no bairro e fez uma aposta com Roman, de conquistar e seduzir “a feia do bairro”. Armando lembra dos conselhos de Mário com os cartões e os presentinhos, o remorso bate forte. Betty conta como ela quase morreu, não queria mais viver, e que os pais são protetores porque não gostariam de vê-la sofrer de novo. A feia conta como tinha desistido de se apaixonar até que surgiu Armando, mas é por isso que tem tanto medo de amá-lo. Aura Maria e Freddy dançam e ficam juntos, até que o garçom vem avisar que o bar já fechou. Quando volta para o apartamento, Armando não quer nada com Marcela e a noiva joga na cara dele que ele tem outra. No dia seguinte, Armando conta para Mário a tragédia de Betty e que ele não pode mais enganá-la, que eles têm que parar com isso.

(!) nem precisa falar explicitamente, a gente vê pelo modo como Armando beija Betty que já não se trata da empresa ou da armação, ele realmente gosta de ficar com Betty.

(!) Marcela, chorando: “ele estava ao meu lado, mas não estava lá, entende?”

(Na terça dia 18/06, a Rede TV não passou a novela, o noticiário cobriu as manifestações pela cidade)

Ep. 75: (130619)

Armando grita com Mário, que eles estão fazendo muito mal à Betty, repetindo a tragédia de sua vida. Aura Maria e Freddy chegam juntos atrasados e Patsy provoca a recepcionista dizendo que já esteve em muitas jacuzzis… Freddy vai junto com Aura pedir desculpas à Marcela, que eles se reconciliaram e é o noivo de Aura. Marcela pergunta se é uma relação séria, aconselha Aura a não magoar a pessoa que ama e os “absolve”. Mários traz doces e cartão, mas Armando diz que precisa ser algo mais especial para a Betty, afinal, ela compartilhou com ele algo muito especial de sua vida. Marcela vai buscar as passagens e Betty diz ao chefe que seria melhor ele não ir viajar porque os fornecedores querem negociar diretamente com ele; Marcela dá um piti na frente de um monte de gente e Armando acaba dizendo que vai viajar, que se dane a coleção e vão parar a produção… Chega na empresa Cecilia Bolocco, apresentadora de TV, para ver Hugo. As meninas do quartel também se animam, e Hugo esculhamba com todas, principalmente com Betty, mas Cecília é super educada. Depois Paty apresenta Marcela e Armando chega todo nervoso, gritando atrás da Betty, até perceber que Cecília está ali. Armando entrega para Betty os chocolates e um cartãozinho que ele mesmo escreveu, e Betty não se aguenta, o abraça dizendo que foi o mais lindo que já recebeu. Marcela convida Betty para almoçar, enquanto Mário Calderón termina de separar os presentinhos e cartõezinhos pra semana de Armando.

(!) Hugo: “esta é a miss-erável, miss-culhamba, miss…

(!) Betty: “tem suco de amora?”

(Na quinta dia 20/06, devido às manifestações, a Rede TV não exibiu a novela novamente).

Ep. 76: (130621)

No almoço, Marcela vai com Betty ao Lenoir (Betty não sabe pedir frango com batatas), tenta conversar com Betty sobre coisas do coração… pergunta se Betty já se apaixonou, diz que mulheres amam diferente dos homens, pede a opinião da feia sobre a relação com Armando, pois Betty é o braço direito dele e sabe de tudo, pergunta se vale a pena se casar com ele. Calderón liga para Marcela, para combinar o local no aeroporto. Antes de sair, Betty diz a Marcela que talvez Armando esteja só confuso, talvez poderiam se reconquistar e lembrar o que foi que os uniu, Marcela diz que pretendia isso com a viagem, mas ele vai ficar. Voltando à empresa, Betty não conta nada da conversa para o quartel. Sandra entrega pra Betty uma sacola verde que achou na sala de Mário, mas que parece ser para Armando. O presidente liga e pede para que Cecília Bolocco passe em sua sala para ele dar uma atenção especial a ela. Sandra atiça a curiosidade de Betty sobre a sacola verde, a feia começa a dar uma espiada, vai tirando lembrancinhas, e depois começa a ler uma carta de Mário para Armando… “para que continue a rotina de horror com a Betty”. Na carta há várias instruções, inclusive que ele sabe quando deve enganá-la para fazer “horror amor” ou não, com aquele jeito debochado de Mário, inclusive fala que o porteiro comentou como era feia, e que não pode se descuidar para que a empresa não caia nas mãos de Nicolas Mora… “beijo a Betty para não perder a empresa”. Fala de embelezadores, de maquiar o relatório, que Betty os têm nas mãos.

Enquanto isso, Cecília Bolocco é abordada por Freddy, que a chama para jantar, até que o motoboy descobre que ela mora em Santiago do Chile. Cecília pega Betty na sala de Armando desolada, ainda em choque e nervosa, após ter caído em lágrimas. Ela insiste em conversar com Betty, que diz que ela nunca poderia entender o que lhe aconteceu, pois é muito bonita – e volta aos prantos. Cecília diz que a dor não escolhe a aparência, ela também já foi patinho feio, ficou doente, achou que ia morrer. Betty responde que Cecília se transformou, mas ela continuará sempre assim. Mas Bolocco tenta lhe explicar que é preciso que nos amem pelo que somos, se sentir sozinha depende do próprio espírito, e ainda cita a filosofia oriental, dizendo que um momento de sofrimento também pode significar oportunidade para mudanças.

Hugo vê vestidos com Catalina e pede para que Angél vá ver se está tudo bem com Cecília. Betty continua vendo os cartões com instruções de Mário para que Armando os entregue. Catalina interrompe, Betty diz que é uma gripe e não estava chorando. Betty fica lembrando das últimas noites que passou com Armando e diz pra si mesma que tudo não deve passar de uma brincadeira, não pode ser verdade. Coloca as coisas de volta na sacola verde e devolve para Sandra.

 

Anúncios

3 respostas para “Yo soy Betty, la fea – Ep. 74 – 76”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s