Audiovisual – semana #15

É isso aí, como descrevi no último post, final do semestre pra mim! O pessoal ainda teria mais uma semana pra finalizar, mas eu saio em viagem (que já estava marcada faz tempo e é uma oportunidade única – um treinamento budista para jovens praticantes da escola budista que sigo e fui até o Japão!). O que deu pra adiantar, foi, e só pra ajudar nossa vida teve uma greve no meio do caminho… E no dia mesmo de embarque ainda fui pela manhã lá na facu porque foram exibidos todos os curtas finalizados da nossa turma de primeiro semestre.

 

02/06 – (História do cinema)

Um trecho de “A regra do jogo” (La règle du jeu/1939)**** e sobre profundidade de campo. Seminário sobre “Ouro e maldição” (Greed / 1924); a apresentação do grupo em que eu estava, “Êxtase” (Ekstase/1933)*** e “Bola de fogo” (Ball of fire/1941).

 

03/06 – (Projeto integrador / Introdução à direção)

– Explicações sobre a finalização do curta. Continuando o papo sobre pré-produção e pós, direitos autorais, sobre a Embrafilmes e algumas leis.

– Avaliação escrita sobre um curta visto e como foi o processo de trabalho durante o semestre.

 

04/06 – (2 aulas de Fundamentos da Imagem)

Comentários sobre os trabalhos escritos abordando o filme “O batedor de carteiras”(Pickpocket/1959)**. Retomando as diferenças entre Naturalismo, cinema clássico e Realismo. Dentro deste, Realismo crítico x revelatório.

 

05 e 06/06 = Greve.

 

*****

 

O nosso projeto integrador do semestre foi a proposta de realização de um curta, em preto e branco, sem diálogos falados e com no mínimo dois personagens (campo/contracampo). No início do semestre, cada um escreveu uma proposta de storyline, ou um argumento, que passou por votação em sala. A turma foi dividida em grupos de 8 ou 9 pessoas, cada um com uma função designada. Tivemos um dia de filmagem, um dia para montagem e um para edição de som. No nosso processo em particular, parece que cada etapa trazia um problema novo, lá pelas tantas eu me senti um personagem vivo dos filmes de Robert Altman, um caos, um martírio… até que, bem, conseguimos o curta no final (transgredindo algumas regras?), uma experiência e tanto.

O argumento inicial foi meu e fiquei contente que muitas pessoas tinham gostado da ideia! Mas sendo meu argumento, eu não podia ficar nem com direção nem roteiro, até porque nossas funções já estavam designadas antes. Fiquei com edição de som – algo que tinha escolhido por ser algo completamente novo pra mim, pra aprender mesmo – eu, que nunca tinha mexido com qualquer programa decente de edição. Claro que algumas coisas foram mudando no meio do caminho, mas até que gostei bastante do resultado final (em vista de tudo que se passou nos bastidores!).

Taí. “Saco Cheio”.

 

Anúncios

One Reply to “Audiovisual – semana #15”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s