Anima Mundi / O pequeno príncipe

Do dia 17 a 22 de julho, rolou o nosso tradicional festival de animação, o Anima Mundi. Este ano, para São Paulo, eles se dividiram entre Cinemateca e as salas do Caixa Belas Artes. Eu, particularmente, adorei a ideia de levar o Anima Mundi para a Cinemateca! Acredito que conseguiram aproveitar bem o espaço e já incentiva as crianças a conhecerem desde pequerruchas este espaço especial para o cinema que existe em São Paulo.
20150717-animamundicinemateca

20150721-animamundi-entrada

Nos corredores eles colocaram fotos de exposição dos destaques deste ano no festival.

20150721-animamundi-expobastien
Expo para Sebastien Dubois. Eu vi “Carnet de voyage” em algum ano atrás do festival :)
20150721-animamundi-exposongofthesea
“Song of the sea”. Longa indicado ao Oscar, queria ter pegado essa sessão, mas preocupada com o serviço, acabei bobeando.

Este ano também voltaram com algumas oficinas! Só não teve de areia e película, eu acho, que existiam na época em que o Festival se instalava no Memorial da América Latina.

20150717-animamundi-aulas
Espaço para aula! O Anima Mundi também oferece palestras e quem quiser aprender um pouquinho sobre alguns softwares para animação.
20150717-animamundi-pixalation
Oficina de Pixalation
20150721-animamundi-zootropio
Porque toda criança deveria um dia brincar de Zootrópio :)

E com esta onda de foodtrucks pela cidade, eles até puderam oferecer opções variadas de alimentação.

20150717-animamundi-foodtrucks

Todos os anos eu procuro pegar pelo menos algumas sessões do Festival e um Papo Animado, em que encontramos um animador convidado, muitas vezes de outros países. No Rio o festival é bem mais completo – já reclamei muito disso, mas fazer o quê, se não tem patrocínio/público interessado suficiente (será mesmo?), eles devem priorizar mesmo onde dá certo, né. Por isso faço a minha parte, gosto de animações e prestigio pelo menos em um dia ou horário que posso.

20150721-animamundi-zedocaixao
Batman, o cavaleiro das trevas, conversando com… Zé do Caixão. Isso poderia ser um papo animado?

* * *

Este ano, comprei ingressos para duas sessões que contavam com curtas indicados ao Oscar, que vou tentar comentar em post separado. A sessão gratuita de “Festa no céu” acabei não pegando, e nenhuma de Papo Animado, mas… eu fiquei muito feliz com a providência dos céus e pude, por acaso, conferir uma sessão bem emocionante: a do filme “O pequeno príncipe”, que terá lançamento apenas em 20 de agosto por aqui, gratuita, contando com um convidado especial. Aliás… mais do que um!

Esse livro é um clássico pra muita gente por aí afora, e eu li quando era bem criança, sem entender muito bem. Mas a poesia e o sentimento que gerou e gera em tanta gente pôde ser sentido como a inspiração certa para que Mark Osborne (e ele é do meu signo!) não deixasse o projeto de lado. Deu mesmo pra sentir que esse tema é caro a ele, e por isso, fiquei ainda mais feliz de estar presente nessa sessão. Mark explicou por cima como tudo começou, contou como se apaixonou pela esposa, quem lhe deu o livro de presente e depois de anos separados, eles ficaram juntos e até os filhos inspiraram-no ao filme. Depois, ele chamou o filho Riley, que faz a voz do Pequeno Príncipe no original em inglês, para ir até lá na frente e assoprar as velinhas, porque justo nesse dia da exibição era o aniversário do menino! Pra finalizar, ainda vieram dois dubladores da versão em português brasileiro, Marcos Caruso e a menininha também, Larissa Manoela (que fez a Maria Joaquina na versão brasileira da telenovela Carrossel).

20150717-animamundi-areaexterna
A chuva não chegou a cair, o espaço externo da Cinemateca tava lotado de gente, o filme emocionou a ponto de a gente soltar uma lágrima sincera. Tava tudo lindo.

* * *

O Pequeno Príncipe

2015-thelittleprince-japaneseposter
Mark Osborne disse que uma de suas maiores inspirações é o mestre de animação japonesa, Hayao Miyazaki. E a casa do aviador e seu jardim são completamente Miyazaki! ;) Parece que o pessoal do Japão concorda comigo, este é um dos cartazes no Japão.

(The Little Prince / 2015) ***

Historinha: uma garota é cativada por um aviador que lhe abre os olhos da imaginação.

:D – a ideia do filme foi boa mesmo, de fazer a gente lembrar como uma história pode nos encantar e dar asas à imaginação. De como uma amizade pode tocar o coração.

– gostei bastante de transporem as ilustrações do livro com outra técnica de animação (stop-motion), são as cenas mais bonitas e delicadas, e que vão ficar gravadas em nossa memória, assim como para quem leu o livro aquelas ilustrações ficaram.

– o contraste entre o mundo quadradinho e todo certinho, com uma paleta de cores acinzentada, e o mundo do velhinho, cheio de cores, uma bagunça curiosa que é um mundo divertido a ser explorado.

– saber que Mark Osborne admira Hayao Miyazaki, que gosta de aviões, e que Saint-Exupéry também era aviador.

– recursos visuais para expressar significados sem ser tão explicadinho. A mãe já tem o plano de vida da filha (ótimo humor!), aquelas estrelas que brilham no escuro e “desaparecem”, aquela grande rosa no céu…

D: – não sei se era necessário ter tanta importância a sequência do sonho, que toma boa parte do filme. Embora tenha sido interessante ver os personagens da história original realocados.

– eu quero ver a versão dos dubladores originais também! Olha só os nomes: Rachel McAdams, Paul Rudd (esse cara tá me invadindo a vida ultimamente), James Franco, Jeff Bridges, Benicio del Toro, Paul Giamatti, Ricky Gervais (como o cara do chapéu! ótimo!), Albert Brooks e a maravilhosa Marion Cotillard que faz a voz na versão em inglês e em francês (pra quem pode, né!).
2015-thelittleprince-fox

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s